sexta-feira, agosto 29, 2008

Escala de Scoville ou SHU


Uma coisa que sempre gostei (e não tenha eu nascido em Moçambique) foi de picante!
Piri-Piri deve ter sido das primeiras palavras que o meu pai me ensinou (logo depois de famba ti conza nauéne... Que não vou dizer aqui o que quer dizer! Mas vejam pistas neste glossário). E uma coisa que sempre me intrigou foi aquela coisa de "este caril é mais picante que o outro" ou "esta comida está muito picante", quando a mim nem sequer me sabia a picante. Fiquei sempre na dúvida se se perdia a sensibilidade ao picante se se comesse mais picante (e há estudos que dizem que sim) ou se há pessoas mais sensíveis ao picante que outras de nascença.

Pois bem, numa investigação rápida vi que o picante é provocado por uma substância chamada de Capsaicina que em contacto com as membranas mucosas provocam uma sensação de irritabilidade e ardor igual à de uma queimadura, sem provocar qualquer dano ao tecido com que entra em contacto. Ou seja, o cérebro recebe sinais iguais àqueles que recebe quando nos queimamos, mas sem nos queimarmos.

Pois bem, mas o meu interesse era saber se haveria alguma forma de medir o que provoca essa sensação e acontece que descobri que existe mesmo um meio de medir o picante de certos alimentos e chama-se Escala de Scoville e mede-se em SHU (Scoville Heat Units). Originalmente, em 1912, o método consistia em diluir o alimento num líquido e dá-lo a provar a 5 humanos, até ao ponto que nenhum deles sentisse o picante. Porém isso tornava o método dependente do gosto dos humanos escolhidos e hoje em dia é usado um outro método mais cientifico que mede as partes para milhão da concentração de Capsaicina.

Algumas espécies de Piri-Piri podem ter como medida de picante uns 175.000 SHU.
O pimento normal tem 0 de SHU e o alimento natural mais picante (consta no Guiness) é a Naga Jolokia uma espécie de piri-piri do Bangladesh, que ostenta uns invejáveis 855.000 SHU. A Capsaicina pura terá uns 15.000.000 a 16.000.000 SHU e o gás pimenta (aquele usado para defesa pessoal) pode chegar aos 2.000.000 a 5.300.000 SHU (ou seja espremer 10 piri-piris nos olhos).

Por fim, Apesar de haver um método para medir o (potencial) picante de cada alimento a sensação continuará a depender da sensibilidade de cada um. Mas aprendi uma coisa a Capsaicina não se dilui em água, por isso não adianta de nada beber água com comida picante. Imaginem que se deve beber leite! Mas o melhor é esperar, porque a sensação desaparece ao fim de algum tempo.

Bom apetite!

1 comentário:

Alexandre disse...

Então, tás bom?!!!

Olha lá, tu costumavas escrever coisas bem mais interessantes. O que é feito dos "old posts" do Rui Gonçalves??? A malta ainda para por aqui mas parece que não tem havido nada de novo...conta coisas! Como está a família Gonçalves, as fotografias, as histórias, os velhos dilemas neste Portugal dos pequenitos...o yoga, etc...há muito para escrever amigo. Não deixes este bonito blog cair, ok?

Grande Abraço, Saudades de vos ver!

alex